Único no mundo (e belíssimo), esse Carro lendário foi encontrado no Deserto e restaurado!

Você gosta de carro com curvas? No passado, sem dúvida, essa formas voluptuosas foram bem mais valorizadas. Para provar como as curvas acentuadas podem ser belíssimas em um veículo, vamos ver e conhecer a história (impressionante) do lendário e raríssimo Buick Streamliner 1948, de Norman E. Timbs.

Antes de tudo, é preciso voltar no tempo para entender como esse carro único no mundo foi concebido. Norman E. Timbs foi um fantástico engenheiro automotivo, que chegou a trabalhar no desenvolvimento do célebre Tucker no anos 40, além de ter participado da criação de carro vencedores na F-Indy e nas 500 Milhas de Indianápolis.

Mas agora é hora de nos aprofundarmos em um de seus mais fascinantes projetos, o Buick Streamliner 1948. Norman demorou mais de dois anos para concluir esse extraordinário roadster, customizado de forma exclusiva. Entre seus diferenciais, destacam-se um chassi de aço e uma carroceria de alumínio trabalhada à mão, com curvas extremamente marcantes. Repare que ele não tem portas e reflita sobre o que era o “tuning de outras épocas”.

Além disso, outro ponto inusitado é a posição do motor de 8 cilindros em linha, que foi instalado na posição central-traseira, bem atrás dos assentos. Com isso, o Buick Sreamliner podia chegar a até notáveis 193 km/h.

Sem dúvida, serviram como fonte de inspiração carro como o Auto Union Typ C Stromlinie e e Mercedes-Benz W25 Avus Stromlinie, de 1937. O formato aerodinâmico, limpo, fluido e curvilíneo, sem excessos de cromados, do Buick Streamliner seguiu as influências desses modelos feitos para pista, que inclusive participaram da corrida mais rápida da história (com velocidades próximas a 400 km/h).

Buick Streamliner

Curiosamente, em 1952 o carro foi comprado por Jim Davis, época em que ainda foi exibido e fotografado por prestigiadas publicações. No entanto, em seguida, acabou caindo no esquecimento.

Mas, de forma ainda mais inusitada, o Buick Streamliner acabou sendo localizado 50 anos depois, em um deserto, no ano de 2002. Como o carro estava abandonado, em seguida, foi comprado e completamente restaurado por David Crouse, especialmente para o Concours d’Elegance d’Amelia Island de 2010.

Depois dessa história surreal, vamos ver as imagens desse carro absolutamente espetacular, com suas características únicas. Uma obra de arte para ser reverenciada e apreciada, inclusive pelo seu valor histórico. Você também sente saudades da época em que os carros eram mais diferentes e exibiam mais curvas? Assista e deixe sua opinião!

Deixe seu comentário: