Picapes 4×4 e caminhões nas desafiantes estradas brasileiras: lama, atoleiros e acidentes impressionantes

Se você mora no Sul ou Sudeste do Brasil, talvez ache exagero dizer que dirigimos em estradas excelentes e através de uma malha rodoviária bem conservada. Você está certo, mas precisa rever seus conceitos e experimentar a vida que muitos proprietários de picapes 4×4 e caminhões possuem nas regiões Norte e Nordeste do país.

Picapes 4×4: luxo ou necessidade?

Nas cidades, é muito comum encontrarmos famílias que usam suas picapes 4×4 para atividades cotidianas como ir ao supermercado, levar os filhos na escola ou até mesmo para trabalhar. Trajetos curtos, geralmente com pavimentação regular e sem muitas surpresas são um cenário de sonho para moradores de outras regiões do Brasil.

Locais onde há muita chuva, pouco asfalto e enormes distâncias a serem percorridas sem qualquer tipo de suporte (nem sequer existem postos de gasolina, para dar um exemplo) precisam de picapes 4×4 e caminhões dignos de tamanho desafio. Toyota Hilux, Chevrolet S10, Mitsubishi L200, Volkswagen Amarok, Nissan Frontier, entre outras, são realmente exigidas nestes cantões.

Que tal fazermos uma lista dos insanos desafios enfrentados neste lugares? Eu começaria com:

  • Lama, muita lama;
  • Atoleiros;
  • Travessia de rios;
  • Ausência de suporte de qualquer tipo;
  • Acidentes em lugares inóspitos.

Pense por alguns instantes naquele seu amigo que anda em uma enorme caminhonete no meio da cidade, tendo dificuldade para estacionar e quase não conseguindo manobrá-la nas ruas mais estreitas. Uma coisa curiosa por aqui: estas picapes se tornaram um sinal de status entre a população, mais até do que carros de luxo.

Picapes 4×4: caras, mas fundamentais

A verdade é que basta conversar com produtores rurais e moradores de lugares com acessos complicados e estradas muito ruins para entender que o preço das picapes 4×4 nem sempre é um fator tão relevante. Elas são caras, isso é fato, mas é preciso pagar o preço para desenvolver a atividade de sustento e conseguir viver na região escolhida.

Para entender melhor e ver, na prática, como em alguns lugares do Brasil a situação é bastante complicada, selecionamos um vídeo do canal Lentrius TV que mostra alguns flagras realmente incríveis. O segundo vídeo abaixo mostra a BR319, considerada a pior rodovia do Brasil. Assista e deixe sua opinião!

PS: Lembre-se de se inscrever no canal do AutoVideos no Youtube, e também siga-nos no Instagram (@autovideos_oficial) para ficar por dentro das novidades.

Deixe seu comentário: