Depois de 39 anos, Mercedes finalmente revela a nova geração do lendário Classe G

O Mercedes-Benz Classe G é um verdadeiro ícone do off-road. Com a primeira geração lançada em 1979, ele teve algumas evoluções ao longo do tempo, mas seu visual continua agradando e fazendo sucesso mundial. Diante disso, a Mercedes resolveu apresentar, finalmente, a sua nova geração, mas manteve o jeitão tradicional.

Visualmente, portanto, a Mercedes optou por não mexer em time que está ganhando. É por isso que o modelo não traz grandes mudanças no visual, tendo ganhado alterações e aprimoramentos suaves e deixando as novidades para o interior do modelo.

Novo Classe G

Externamente, apenas para deixar mais claro, uma das poucas mudanças foram os vãos e frestas mais estreitos e refinados nos painéis da carroceria, melhor integração dos para-choques e dos para-lamas, e lanternas traseiras mais modernas. O Classe G também ganhou 12,1 cm na largura e 4 cm no entre-eixos, havendo aumento no espaço interno, algo que era desejado há algum tempo.

Os encostos no banco traseiro agora têm nove ângulos diferentes para quem quer mais espaço de carga ou conforto. E apesar da Mercedes não ter divulgado o volume do compartimento, acreditamos que ele supere os 700 litros da versão anterior.

Conforto e tecnologia – Internamente, como falamos, o conforto e a tecnologia estão presentes.
Um display digital faz parte do novo painel de instrumentos, que tem duas telas de 12.3 polegadas. Além disso, muito couro foi utilizado, assim como aço escovado, guarnições em madeira e fibra de carbono, além de materiais sensíveis ao toque. Os bancos têm aquecimento e ajustes elétricos, além de função de massagem e um sistema com comando táctil.

O SUV também ganhou um novo conjunto de suspensão adaptativa com tração integral adaptável às condições de terreno e motorista. O programa é chamado Dynamic Select e tem cinco modos: conforto, sport, eco, individual e off-road.

Novo Classe G Mercedes

Motorização – Com relação à motorização, o único motor confirmado até agora é um 4.0 V8 biturbo à gasolina, com 422 cv e 62,1 kgfm. O presidente da Mercedes, Dieter Zetsche, afirmou no lançamento que também deve ser lançado um modelo com motorização elétrica, o que faz certo sentido considerando que o jipe expele pelo menos duas vezes mais dióxido de carbono que outros modelos da fabricante. Com relação ao câmbio, ele é automático de nove marchas e substitui a versão anterior de sete.

O preço divulgado para o mercado alemão, que terá início das vendas em maio, será de 107.040 euros (US$ 124.000). Ainda não há previsão de chegada ao mercado brasileiro. Quer saber mais? Confira os vídeos a seguir e veja as primeiras imagens da nova geração da lenda.

PS: Lembre-se de se inscrever no canal do AutoVideos no Youtube, e também siga-nos no Instagram (@autovideos_oficial) para ficar por dentro das novidades.

Deixe seu comentário: