Justiça condena Volkswagen a pagar R$ 64.000 a 17 mil donos de Amarok no Brasil

Mais um capítulo decorrente do escândalo do “dieselgate” que afetou a Volkswagen nos últimos anos. Agora a empresa alemã acaba de ser condenada, em primeira instância na justiça brasileira, a indenizar uma série de proprietários da picape Amarok produzida na Argentina e vendida no nosso país.

O caso envolve a decisão do juiz Alexandre de Carvalho Mesquita, da 1ª Vara Empresarial do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, que condenou a Volkswagen do Brasil a desembolsar a quantia total de R$ 1.092.648.000 em danos materiais e morais. Isso mesmo: mais de R$ 1 bilhão a serem destinados para indenizações.

Esse montante será repartido enter 17.057 proprietários da caminhonete Amarok 2.0 TDI, que foram comercializadas no Brasil entre os anos de 2009 a 2013. Caso a decisão seja confirmada com trânsito em julgado, cada dono receberá R$ 54 mil por danos materiais e R$ 10 mil por danos morais. Isso tudo em função do uso do software fraudulento que, nos teste de emissões de poluentes, indicava níveis adulterados, quando comparados com os dados reais em uso.

VW Amarok

Além disso, a sentença estipula R$ 1 milhão a ser pago ao Fundo Nacional de Defesa do Consumidor (FNDC), vinculado ao Ministério da Justiça, a título de dano moral coletivo. Por se tratar de uma decisão de primeira instância, cabem recursos para a Volkswagen. Vamos aguardar os novos andamentos processuais e voltaremos a informar as novidades aqui no AutoVideos.

Apenas para ilustrar e relembrar do caso, o vídeo abaixo mostra um teste envolvendo uma VW Amarok na Alemanha.

PS: Lembre-se de se inscrever no canal do AutoVideos no Youtube, e também siga-nos no Instagram (@autovideos_oficial) para ficar por dentro das novidades.

Deixe seu comentário: