Lançamento: Novo (sim, novo mesmo) Jeep Wrangler agora cheio de tecnologia e com novos motores

Lançamento: Novo (sim, novo mesmo) Jeep Wrangler agora cheio de tecnologia e com novos motores

Uma lenda entre os amantes das trilhas e passeios off-road. Não há outra maneira mais apropriada para definir o Jeep Wrangler e sua história, principalmente no mercado norte-americano, onde é muito popular (desde sempre). Sua essência é sempre preservada nas novas versões, o que significa manter seu visual característico e suas capacidades de encarar desafios extremos.

O novo Jeep Wrangler foi apresentado em sua nova versão no Salão do Automóvel de Los Angeles e, desta vez, o 4X4 que normalmente costuma mudar pouco ao longo do tempo, vem com algumas novidades mais significativas.

Evolução da Lenda: Novo Jeep Wrangler agora cheio de tecnologia e com novos motores

Mais tecnológico, o Jeep Wrangler chega renovado e, pela primeira vez em sua história, há uma promessa de versão híbrida plug-in, mais ecológica, para os próximos dois anos. Sinal dos tempos, o modelo terá uma variante de propulsão à gasolina e elétrico, criando uma espécie de “jipe sustentável”. Se isso fará ou não sentido e agradará ao mercado, é o que descobriremos…

Design fiel ao original – Com relação ao design, as mudanças são poucas e o modelo se mantém fiel às características originais, com os faróis redondos, a grade frontal característica Jeep e pára-brisas rebatível. São duas carrocerias, como de costume: a de duas portas e chassi curto, nas versões Sport, Sport S e Rubicon; e a longa e de quatro portas, Unlimited e Sahara.

Internamente, o estilo rústico e prático continua presente. O painel é da cor da carroceria ou em couro e foram utilizados muitos materiais de alta qualidade, havendo muito foco no conforto e na experiência do motorista e passageiros. Ele continua sendo um jipe robusto e com interior de fácil manutenção e cuidados, mas ganhou sofisticação.

Jeep Wrangler - Interior

Com relação à versão anterior, o Jeep Wrangler ganhou algumas mudanças para ficar mais tecnológico. Agora tem conjunto ótico de LEDs e tela multimídia de 8,8 polegadas, além de contar com alguns comandos renovados, como os de climatização e áudio. O carro também possui display tecnológico TFT padrão da marca, Android Auto e Car Play.

E para ajudar na diminuição do peso e consequente redução do consumo, mantendo uma média aceitável de emissão de CO2, o Jeep Wrangler ganhou alumínio nas portas, capô, estrutura de para-brisa e outros lugares.

Jeep Wrangler

Motorização inovadora – A linha apresentada no Salão de Los Angeles mostrou que o Jeep Wrangler terá quatro opções de motorização até 2020, quando as versões híbridas deverão estar disponíveis.

Primeiramente, será possível escolher entre a transmissão manual de seis velocidades ou automática de oito marchas para o motor V6 Pentastar 3.6 com 289cv ou o motor 2.0 Turbo com 274 cv.

Outra opção será a versão com motor 3.0 EcoDiesel da VM Motori, com 240 cv. Esta também deve contar com os dois tipos de câmbio, mas ainda não houve confirmação. E até 2020 espera-se que esteja disponível a versão Plug-In Hybrid, mais ecológica, que deve agradar aos mais “moderninhos” que ainda idolatram o clássico.

Quer saber mais sobre o Jeep Wrangler? Confira os vídeos a seguir.

Deixe seu comentário: