Conheça os 10 carros mais seguros do mundo segundo o Euro NCAP

Conheça os 10 carros mais seguros do mundo segundo o Euro NCAP

A indústria automobilística evoluiu bastante nas últimas décadas. Há cerca de 40 anos atrás, segurança automotiva era um assunto ainda bastante subjetivo e que se resumia a maior eficiência estrutural, diferentes materiais usados na construção, mas quase nada de eletrônica e tecnologia. Os carros mais seguros daqueles tempos, bem, não eram seguros coisa nenhuma. Não se levarmos em consideração os dias de hoje. Os tempos mudaram bastante.

Você pode pensar que 40 anos representa muito tempo. Não é tanto assim. A evolução está realmente bastante acelerada e hoje em dia os carros mais seguros são verdadeiras “fortalezas”, cuja principal missão é garantir a sobrevivência de seus ocupantes (e em alguns casos de pedestres também). A vida é algo muito valioso e isso está cada vez mais claro para todos os fabricantes de automóveis. Ainda bem.

A Euro NCAP, entidade que realiza testes de colisão na Europa (similar ao que faz por aqui o Latin NCAP), revelou a lista dos 10 carros mais seguros do mundo no ano de 2017. Como quase sempre acontece, a Volvo aparece no topo da lista e coloca três de seus carros entre os cinco primeiros. A fabricante sueca segue fiel à sua promessa de tentar zerar as mortes no trânsito em seus carros.

No ranking dos carros mais seguros do mundo, o campeão é o Volvo XC60, seguido pelo Volkswagen Arteon, Volvo V90, Volvo S90 e, fechando o TOP5, o Volkswagen T-Roc. O ranking mede a segurança para o motorista (ícone amarelo), segurança para crianças (ícone azul), segurança para pedestres (ícone verde) e dá uma nota também para os assistentes de segurança (ícone roxo). Confira abaixo:

lista-carros

Agora que você conhece os carros mais seguros do mundo, assista aos vídeos dos testes de colisão realizados pelo Euro NCAP.

PS: Lembre-se de se inscrever no canal do AutoVideos no Youtube, e também siga-nos no Instagram (@autovideos_oficial) para ficar por dentro das novidades.

Deixe seu comentário: