Novo mito supremo: Koenigsegg Agera RS destrói recorde do Bugatti Chiron (0-400-0 km/h)

Novo mito supremo: Koenigsegg Agera RS destrói recorde do Bugatti Chiron (0-400-0 km/h)

Durou um mês! O recorde de aceleração de 0 a 400 km/h seguido de uma frenagem violenta foi do Bugatti Chiron por aproximadamente um mês. O mundo dos hipercarros capazes de acelerar e frear quase como espaçonaves alienígenas tem um novo chefe: Koenigsegg Agera RS.

Os entendidos, entusiastas e fãs da velocidade já imaginavam que Christian von Koenigsegg, fundador e CEO da Koenigsegg, buscaria o recorde, e o Agera RS parecia o carro perfeito para isso. Ele sempre deixou clara sua intenção de fazer os supercarros mais insanos do mundo, desafiando principalmente fabricantes já tradicionais como Bugatti, Ferrari, Porsche, Lamborghini, entre outras.

E estamos falando da quebra de um recorde bastante insano. O Bugatti Chiron conseguiu acelerar de 0 a 400 km/h e depois frear completamente em 41,96 segundos, precisando de 3.112 metros de pista. O piloto da façanha foi ninguém menos que Juan Pablo Montoya. Não há dúvidas de que a Bugatti via o recorde como um acontecimento importante.

Pois o piloto de testes da Koenigsegg, Niklas Lilja, deu um show na pista do campo de aviação de Vandel, na Dinamarca. Ele acelerou o Koenigsegg Agera RS de 0 a 400 km/h e freou completamente em apenas 36,44 segundos, precisando de 2.441 metros de asfalto para pulverizar o recorde.

Os números da façanha impressionam: o Agera RS acelerou de 0 a 400 km/h em apenas 26,88 segundos (com 1.958 metros de pista). Com o pé cravado no pedal de freio, o carro parou completamente em apenas 9,56 segundos (483 metros de pista). Tudo foi devidamente registrado para validação do recorde (equipamentos AiM EVO5 e GPS08 foram usados).

Importante notar que o Koenigsegg Agera RS usado neste dia continha o upgrade One:1. Mesmo com o upgrade, ele ainda tem menos potência que o Bugatti Chiron – o motor V8 de 5 litros entrega 1.360 cavalos, 319 a menos que no concorrente francês. Assista ao vídeo que mostra a quebra de recorde em detalhes, incluindo a “puxada” com câmera onboard.

PS: Lembre-se de se inscrever no canal do AutoVideos no Youtube, e também siga-nos no Instagram (@autovideos_oficial) para ficar por dentro das novidades.

Deixe seu comentário: