Novidade: Kia Stonic deve chegar ao Brasil para briga entre SUVs compactos

Novidade: Kia Stonic deve chegar ao Brasil para briga entre SUVs compactos

Com design marcante como uma de suas principais características, a Kia tem no segmento de SUVs um novo alvo. Com a bela e equipadíssima Sportage, preenche uma lacuna importante do mercado, mas agora também quer participar da porção mais barata deste mercado. O Kia Stonic, que apareceu no Salão de Frankfurt deste ano pela primeira vez, deve ser a aposta da Kia como importadora para o mercado de SUVs compactos.

Espera-que a chegada do SUV “de pequeno porte” no Brasil ocorra em 2018, juntamente com o início da chamada Rota 2030, que deve derrubar o IPI para veículos importados e acirrar a competição no segmento. Entre alguns dos principais concorrentes do Kia Stonic devem estar Honda HR-V, Hyundai Creta, Peugeout 2008, Renault Captur, Nissan Kicks e Jeep Renegade.

Kia Stonic - Foto 2

O Kia Stonic, vale dizer, deriva da mesma plataforma do hatchback Kia Rio, tendo os mesmos motores e componentes e podendo ser considerado um crossover compacto ou um SUV-B. Comparando-se com o Rio, porém, o Stonic é 4,3 cm mais alto e tem rodas aro 17 polegadas. Trata-se de um carro que oferece segurança nas curvas, com boa dirigibilidade e conforto para a cidade.

Motorização – Não há confirmação da motorização para os modelos no Brasil, mas na Europa, o motor de entrada é o 1.0 T-GDi de 3 cilindros, 120 cv e 17,5 kgfm. Também há um modelo 1.2, de 84 cv, um 1.4 de 100cv e um 1.6 turbodiesel de 110 cv, este último a única opção a diesel. O câmbio pode ser manual ou automático de 6 marchas, dependendo do motor. Há também possibilidade de câmbio automatizado de dupla embreagem e 7 marchas.

Kia Stonic - Interior

Por aqui deve-se considerar que o motor 1.0 turbo, que representa metade das vendas no Reino Unido, é uma opção inédita. Ele tem aceleração de 0 a 100 km/h em 10,3 segundos e consumo misto de 24 km/litro.

Design e equipamentos – O design do Kia Stonic segue os padrões da marca e mantém a grade “nariz de tigre”, típica dos carros da Kia. Um diferencial está nas 20 possibilidades de combinações de dois tons no visual do carro, e alternativas de pintura do teto em cor vermelha, preta, verde-limão ou laranja.

Bem equipado, o carro vem com rodas de 17 polegadas, LEDs diurnos, sensor de ré e sistema multimídia com tela de 7 polegadas com Bluetooth, Apple CarPlay e Android Auto. Para ajudar na segurança, há assistente de partida em rampa, faról alto automático, monitor de ponto cego, freios de emergência com reconhecimento de pedestres, alerta de colisão frontal, detecção de ponto cego com alerta de trânsito cruzado traseiro e sistema de aviso de alerta para entrada em estradas.

Kia Stonic - Foto 2

Se de fato for derrubado o IPI para veículos importados, o preço do carro deve ficar mais competitivo, chegando na faixa dos R$ 80.000 (No Reino Unido o preço inicial fica em 15 mil libras, por volta de R$ 63 mil). Para se ter uma ideia, por aqui, o Sportage, que fica acima do Kia Stonic na escala de preços, custa entre R$ 112.990 e R$ 139.990. Ficou curioso para saber mais? Confira os vídeos a seguir!

PS: Lembre-se de se inscrever no canal do AutoVideos no Youtube, e também siga-nos no Instagram (@autovideos_oficial) para ficar por dentro das novidades.

Deixe seu comentário: